quinta-feira, outubro 05, 2006

Whale Rider














"A domadora de baleias" é uma história contemporânea de amor e força de vontade onde uma tribo moderna Maori procura um lider que os ajude nos tempos dificeis seguindo uma longa linhagem de rapazes descendentes de um mitológico domador de baleias chamado Paikea. O filme acompanha a vida de uma determinada rapariga também chamada Paikea, ignorada e aparentemente indesejada pelo avô, cujo desejo de encontrar um lider do sexo masculino é a unica coisa que lhe interessa.
É um filme sem violência e linguagem obscena adequado para toda a familia.

O bom: Mostra-nos a vida de uma sociedade moderna ainda imersa em tradições antigas. As canções tribais que ao longo do filme são apresentadas, são bem cantadas e, juntamente com a musica de fundo,criam um ambiente muito próprio. Há uma cena em que Paikea, perante uma plateia, conta a história da sua linhagem e, em lágrimas, perante o silêncio de todos, dedica uma canção ao avô não presente, é absolutamente comovente e muito bem conseguida.

O mau: Desde o principio sabemos que a bonita Paikea (nome convenientemente atribuido) vai-se tornar na heroína da história portanto, não há surpresas para ninguém.

Nota final: 16